quinta-feira, 29 de junho de 2017

À Ennes (Silveira Mello)

   Poesia intitulada "À Ennes" (pelo teu aniversário), escrita por Francisco Lagreca em coletânea publicada em 1959 pela Prefeitura Municipal de Piracicaba.

   “O primeiro piracicabano a morrer no campo de batalha foi Ennes Silveira Mello. Filho de José e Malvina Sampaio Silveira Mello, Ennes nascera em 27 de novembro de 1905. Era solteiro e agrimensor. Ele pertencera ao primeiro batalhão de voluntários e tomava parte na Frente Norte dos combates, em proteção da Fazenda Moraes em Queluz. No dia 15 de agosto de 1932, estava, com outros soldados, construindo um abrigo contra aviões na trincheira onde se encontravam. Tudo estava calmo, não havia batalha. Ennes saiu da trincheira para buscar taquaras que camuflassem a defesa quando foi atingido por rajadas de metralhadora que, na véspera, tinha sido montada, pelo inimigo, numa moita. Levado para o Hospital de Cruzeiro, morreu no dia 17. A morte de Ennes Silveira Mello acendeu ainda mais o fervor patriótico em Piracicaba. A mãe de Ennes, Malvina, em vez de lamentar a morte do filho, convocou a juventude para continuar a luta. Para o lugar de Ennes Silveira Mello, apareceram mais 50 voluntários.



Nenhum comentário: